e@bimapi

 
 
Logotipo e@bimapi
 
 

Engajamento socioambiental: ABIMAPI destaca boas práticas
para a indústria alimentícia

Já há alguns anos trazemos ao conhecimento dos nossos associados e parceiros algumas ações focadas em melhores práticas sociais e ambientais, que também são de responsabilidade da indústria de alimentos. Durante os congressos realizados pela ABIMAPI em 2012 e 2014, por exemplo, debatemos junto com os porta-vozes da Bimbo e da Barilla questões voltadas à sustentabilidade de toda a cadeia de produção, desde as comunidades até o consumidor.

Em 2017, apoiamos o documentário “Cultura do Desperdício - Por Uma Sociedade Mais Consciente”, que fez parte da programação da XXIV Semana da Alimentação, promovida pela secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo por meio da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios. A iniciativa visou conscientizar e sensibilizar sobre os grandes números de desperdício de alimentos observados no país. Este projeto abre um olhar complementar à missão da ONG Banco de Alimentos – a qual fizemos uma doação no último Dia Mundial do Pão, 16 de outubro – e dá voz a alguns ativistas, economistas, pensadores, futuristas e técnicos de diversas áreas que, com histórias de vida e dados estatísticos, causam impacto, provocam reflexões e motivam novas ações.

Também já recebemos na ABIMAPI os representantes da Humane Society International (HSI) e da Animal Equality, entidades que se dedicam a defender animais criados para abate, através da educação pública, campanhas, investigações, relações corporativas e governamentais. Repassamos aos nossos associados as mensagens que envolvem os conceitos de free-range e cage-free, para política de bem-estar animal que já vem sendo adotada por alguns fabricantes mundiais. A meta destas instituições é que até 2025 sejam utilizados somente ovos livres de gaiola nas cadeias de fornecimento.

Uma pesquisa feita pelo Instituto Akatu concluiu que o consumidor brasileiro passou a ser mais exigente em relação à atuação das empresas, destacando que um dos aspectos motivadores de preferência ou admiração por determinadas marcas é não maltratar animais. Além disso, o Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Ceará apontou que a população está disposta a pagar mais pela garantia de produtos certificados que garantam o bem-estar animal.

O engajamento socioambiental é uma das principais bandeiras defendidas por nós, da ABIMAPI. Essas preocupações são sérias e representarão uma cadeia de alimentos exemplar, contribuindo para um futuro melhor do nosso país.

 
Apresentação - Reunião 08FEV18 - Exportação
Estudo Mercadológico
México e Costa Rica
Notícias

ABIMAPI e ABICAB realizam o 16º Congresso Internacional das Indústrias
Perspectiva de alta no consumo alimenta aposta de investidores
Associados

Vivali chega ao mercado com linha de ingredientes mais saudáveis

Piraquê consegue reduzir 400 toneladas de lixo por mês
 
   
 

 
     
 
Simples Nacional: balanço dos pedidos
de opção em janeiro de 2018
Governo centra o foco no projeto
de reforma tributária
Professor da USP analisa na Fiesp impactos da reforma trabalhista
 
     
     
 
Eventos
 
 




 
 
 
Facebook
 
 
Você sabia que o bolo de cenoura é a receita mais procurada na internet? Confira a nova campanha da Barilla: "Desperte o chef que há em você" Redução drástica de carboidratos na dieta pode ser prejudicial à saúde