Nossos Releases

20 de Julho é o Dia do Biscoito. Você sabe quais são os tipos mais consumidos pelos brasileiros?

Pelo segundo ano consecutivo, a ABIMAPI (Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados) encomendou para a Kantar WorldPanel uma pesquisa sobre as diferenças entre as preferências e os perfis dos consumidores de biscoito no país. Presente em 99,7% dos lares, a popularidade deste alimento fez com que ele ganhasse uma data no calendário especialmente em sua homenagem: 20 de julho é o Dia do Biscoito. 

Assim como na primeira edição da pesquisa, o novo estudo analisou durante o ano de 2017 uma mostra de 11.300 lares que representam um universo de 53 milhões de famílias espalhadas por sete regiões segmentadas em Norte e Nordeste, Centro-Oeste, Leste (Minas Gerais e Espírito Santo) e interior do Rio de Janeiro, Grande Rio de Janeiro, Grande São Paulo, interior de São Paulo e Sul.

Claudio Zanão, presidente da ABIMAPI, explica que os segmentos básicos continuam impulsionando o consumo: no último ano os biscoitos do tipo seco/doces, como Maria, maisena e rosquinhas, representaram 37,6% do mercado e os salgados, como cream cracker e água e sal, 33,81%. “Além disso, a Kantar nos mostrou que as embalagens de 300g a 400g, conhecidos como ‘pacotões’, foram os que mais contribuíram para o aumento do volume de vendas”, completa o executivo.

Os biscoitos recheados continuam como terceiro segmento mais consumido, entretanto em 2017 a consultoria revelou uma leve desaceleração na frequência de compra deste produto, com aumento no volume médio levado para as casas. Ainda assim, esta categoria representa 20,5% do share. Em contrapartida, os cookies ganharam novos compradores e maior frequência de compra, alcançando mais de 24 milhões de lares brasileiros.

Repetindo o ranking de 2016, Norte e Nordeste formam a macrorregião que apresentou maior índice de compra, responsáveis por 39,1% do consumo. Em seguida aparecem Leste e interior do Rio de Janeiro (13,9%), Sul (11,4%), Grande São Paulo (10,1%), Interior de São Paulo (9,6%), Centro-Oeste (8,7%) e, por fim, Grande Rio de Janeiro (7,2%).

Clique nos mapas abaixo e confira o resultado da pesquisa por regiões

Ainda de acordo com a atualização da pesquisa, o perfil dos maiores compradores de biscoito continua formado por mulheres, de 30 a 39 anos, pertencentes às classes socioeconômicas D/E, residentes nas regiões Norte e Nordeste com companheiro e crianças pequenas em lares de cinco pessoas ou mais. Separados por categorias, o estudo encontrou as seguintes representações:

Informações para a imprensa:

TREE COMUNICAÇÃO

Kelly Viana – kelly.viana@tree.inf.br
(11) 3093-3614 / 97372-5065

Mariana Ortiz – mariana.ortiz@tree.inf.br
(11) 3093-3618 / 97602-0399